NOTÍCIAS

Conab: safra de algodão em pluma 2013/2014 cresce 29,5%

Publicada em: 10/07/2014
Helicoverpa armigera está sob controle, diz a companhia

A safra de algodão 2013/14 já está em fase de colheita nos principais Estados produtores. A safra nacional está estimada em 1,697 milhão de toneladas de pluma, o que corresponde a um aumento de 29,5% em comparação com ao período anterior (1,310 milhão de t), conforme o 10º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado nesta quarta-feira (9/7).

O crescimento da produção é resultado da recuperação dos preços no mercado interno ao longo de 2013, favorecida pela oferta mais restrita, a elevação dos preços no mercado externo com tendência de manutenção e os atuais níveis de preços das commodities concorrentes, notadamente a do milho, informa a Conab.

Em Mato Grosso, que responde por cerca de 56% da produção brasileira de algodão em caroço, "nota-se de forma acentuada, a tendência de plantio do algodão segunda safra em janeiro e fevereiro", informam os técnicos da Conab.

Na Bahia, segundo maior produtor nacional, as lavouras estão em pleno desenvolvimento com clima favorável, o que deverá propiciar a colheita de uma boa safra. De acordo com a Conab, como houve retardamento do plantio, por causa de um veranico, os trabalhos de colheita se iniciaram entre os últimos dias de junho e início de julho. Não há preocupação excessiva com pragas e doenças, uma vez que os tratos culturais e aplicações de fungicidas e inseticidas estão sendo efetuados no período indicado, respeitando o receituário agronômico.

"A Helicoverpa armigera, que no ano passado causou sérios prejuízos e preocupações aos cotonicultores, está sob controle. O maior receio na região, no entanto, reside no ataque do bicudo, nesta safra", comenta a Conab.

Por Estadão Conteúdo
Fonte: Globo Rural